Hotel Leonardo Fachada Pisa Italia Mundo Indefinido

Cheguei à cidade de Pisa, em Itália, às 22h40, depois de uma longa conexão de 6 horas em Roma. Teria sido mais rápido (e mais inteligente) ter apanhado o comboio que liga as duas cidades, uma vez que a viagem dura cerca 4 horas… Fica a dica! Depois de tanto tempo passado em viagem, só me apetecia chegar ao hotel e descansar. O local escolhido para passar as noites foi o Hotel Leonardo, um hotel bem no centro da cidade.

Hotel Leonardo Fachada Pisa Italia 2 Mundo Indefinido

Fiquei no quarto 225, um quarto individual com uma cama de corpo e meio, uma secretária com cadeira, um roupeiro, uma televisão (que não liguei, por isso não se tem alguns canais que não sejam italianos), um mini-bar, e casa de banho privada. O espaço não é muito grande, mas para mim serviu perfeitamente. Como oferta, havia rebuçados em cima da secretária, e um 2 em 1 de gel de duche e champô na casa de banho. Existem diversas toalhas disponíveis, assim como secador de cabelo, que pode ser utilizado livremente. A decoração do quarto é claramente datada, a mobília não é das mais modernas, mas a cama era confortável e isso é, para mim, o mais importante. Não tinha ar condicionado, o que pode ser um problema no verão, quando o calor começa a apertar mais.

Hotel Leonardo Porta Quarto Pisa Italia Mundo Indefinido

Hotel Leonardo Quarto Pisa Italia Mundo Indefinido

Hotel Leonardo Quarto Pisa Italia 2 Mundo Indefinido

Hotel Leonardo Quarto Pisa Italia 3 Mundo Indefinido

A vista do quarto onde fiquei não é muito interessante. As ruas são estreitas, pelo que os prédios estão muito próximos uns dos outros. Da janela do meu quarto podia ver os prédios ali à volta e pouco mais do que isso.

Hotel Leonardo Vista Quarto Pisa Italia Mundo Indefinido

O pequeno-almoço está incluído, e tem alguma variedade. Temos pão, croissants e bolos, cereais de pequeno-almoço, umas tostas, leite, chá e café. Infelizmente, os produtos de charcutaria não estavam frescos, e a fruta tinha sido deixada ali já há algum tempo, tanto que uma das toranjas já estava a ganhar bolor…

Hotel Leonardo Pequeno Almoco Pisa Italia Mundo Indefinido

Também tive alguns problemas com a velocidade e fiabilidade da Internet, especialmente no quarto. Não é dos melhores, mas este hotel tem, sem dúvida, um grande ponto a seu favor: a localização é excelente. O Hotel Leonardo encontra-se a poucos passos da Piazza dei Cavalieri e bem perto da Piazza del Duomo (onde se encontra a famosa Torre de Pisa). Os funcionários eram simpáticos, mas o senhor que estava no turno da noite não falava inglês.

[ver outras opções de alojamento em Pisa]

Taxas de estadia em Itália

Desde 2011 que, em muitas cidades italianas (Pisa incluída), é necessário pagar uma taxa de estadia conforme a categoria do alojamento. Essa taxa é paga no momento do check-out, mesmo que a estadia em si já esteja paga, e o seu pagamento é sempre feito à parte. No caso de Pisa, e para hotéis de 3 estrelas, o preço é de 1,50€ ao dia por pessoa.

Informação prática

Site: Hotel Leonardo
Gama de preços: Entre 50€ e 90€ por noite
Principais comodidades: pequeno-almoço incluído, wi-fi gratuito, produtos de higiene gratuitos, casa de banho privada
Morada: Via Tavoleria, 17

6 comentários

  1. Ainda bem que aí estive em 2010 🙂 Não paguei a tal taxa de estada…
    Mas digo-te uma coisa: estranhei a cara do homem quando fiz o check-out. Pareceu esperar uma gorjeta. Eu é que tive de sair literalmente a correr, ou teria perdido o comboio. Foi por um triz.

    Quando aí estive estava alojada em Florenza. Daí parti para as localidades periféricas, entre as quais Piza. Fiz todas as deslocações de comboio (que adoro) excepto para pizza, onde à saída da estação apanhei um autocarro. Tão decrépito, antigo e a abanar por todo o lado como os mais antigos de Lisboa. Mas não achei necessário: Ele deu uma grande volta, pude maravilhar as vistas numa paisagem de um campo cheio de malmequeres, mas a pé teria sido mais rápido. É muito próximo. As pessoas… bom, andei a perguntar onde encontrava os correios, pois a intenção era enviar um postal de cada local onde estava. Aí percebi que algumas pessoas davam direcções erradas intencionalmente. Ninguém te faz troco de nada – não que eu pedisse, mas vi muitos pedirem e levarem com a desculpa "não tenho". Depois fui para Roma, e de lá apanhava outros comboios para outros lados – e daí fui a Pompeia. Fiz a viagem de comboio (arca congeladora) no horário mais económico e que leva mais tempo de viagem. Mas faz-se tudo bem de comboio, por lá. É uma maravilha de transporte.

    O hotel em Florença no qual fiquei, era um pouco longe e pela aparência exterior fiquei apreensiva. Mas foi o melhor e gostei da segurança. O de roma era um cubículo como esse aí, e o grande problema era que se escutava TODOS os sons dos quartos adjacentes. Foi assim que soube que no quarto ao lado estava um muçulmano. Era um quarto claustrofóbico e depressivo.

    Gostei muito da atmosfera de Pizza. Curiosamente foram os próprios italianos que tentaram me dissuadir de lá ir, dizendo que não havia nada para se fazer na cidade, a não ser ver a torre. Os moradores pareceram-me taciturnos mas, a bem da verdade, fui a um Domingo, a maioria estava na missa.

    1. Obrigada por partilhares a tua experiência por Itália! Também adoro comboios, e Itália é um país onde faz todo o sentido utilizar esse meio de transporte para fazer a deslocação entre as várias cidades. Florença é um bom ponto de partida para visitar Pisa e Lucca, por exemplo, mas acho que Pisa merece mais do que um dia ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *